AÇÚCAR/CEPEA: Com baixa oferta doméstica, Indicador renova máxima nominal

Cepea, 3/8/2021 – Na última semana de julho, os preços médios do açúcar cristal negociados no mercado spot paulista seguiram firmes e alcançaram, no dia 29, o maior patamar nominal de toda a série histórica do Cepea (que se iniciou em 2003), de R$ 117,99/saca de 50 kg, considerando-se o Indicador CEPEA/ESALQ. Segundo pesquisadores do Cepea, esse cenário altista, que vem prevalecendo no correr desta temporada 2021/22, tem sido atribuído principalmente à oferta restrita do cristal para o mercado doméstico, devido à queda da produção por fatores climáticos que afetaram as lavouras de cana-de-açúcar. Além disso, os preços do açúcar demerara no mercado internacional, que exercem forte influência sobre o comportamento dos valores internos (visto que o Brasil é o maior exportador mundial), também estão mais altos neste ano. De 26 a 30 de julho, a média do Indicador CEPEA/ESALQ foi de R$ 117,55/saca de 50 kg, avanço de 0,54% em relação à da semana anterior. A média de julho/21 foi de R$ 116,40/saca de 50 kg, pequena variação positiva de 0,03% em relação à de junho/21 e 14,45% superior à de julho/20 – valores deflacionados pelo IGP-DI base junho/20. Fonte: Cepea (www.cepea.esalq.usp.br)

voltar
Preencha o formulário para realizar o download
x
Deseja receber informações do Cepea?

Digite este código no campo ao lado