Metodologia dos Indicadores de Etanol CEPEA/ESALQ - Paraíba

Especificação dos produtos: Em acordo com especificações da Agência Nacional de Petróleo (ANP);
Moeda/Unidade de medida: Preço à vista, R$/litro;
Entrega:

Produto a retirar na unidade de produção (PVU) – Usinas/Destilarias da Paraíba.
Produto colocado (CIF) em Cabedelo (PB), quando o etanol enviado do Centro-Sul para a Paraíba.
IMPORTANTE: De abril/13 a fevereiro/19, o Indicador era calculado sem frete e a retirar na unidade de produção (usina) – PVU.

Região de referência:

Produto originado do estado da Paraíba, independentemente da destinação. As transações comerciais a serem consideradas podem ter ocorrido no spot, contratos (formais) e, ainda, por meio de compromissos.
Produto originado nos estados do Centro-Sul do Brasil que tem como destino o estado da Paraíba.
Produto importado (no caso do etanol anidro).
IMPORTANTE: De abril/13 a fevereiro/19, o Indicador era calculado considerando-se o produto originado apenas do estado da Paraíba, independentemente da destinação. 

Tratamento Estatístico/Ponderação: Os Indicadores são ponderados pelo volume de cada negociação. São realizadas as análises do coeficiente de variação e do desvio-padrão (são aceitos valores que estejam no intervalo de dois desvios-padrão para cima e para baixo em relação à média da amostra). 
Taxa de desconto dos valores a prazo: CDI (Certificado de Depósito Interbancário);
Impostos considerados:

Sem ICMS (no caso do hidratado) e sem PIS/Cofins. 
Nota: Á partir de 2017, as informações que compõem os Indicadores são descontadas do valor de R$ 130,9/m³ comercializado, referentes a R$ 23,38/m³ para o PIS e R$ 107,52/m³ no caso da Cofins. 
De 8 de maio de 2013 a 29 de dezembro de 2016, de acordo com a Medida Provisória nº 613/2013, foram considerados zerados PIS/Cofins no cálculo dos Indicadores CEPEA/ESALQ de etanol hidratado e anidro combustível.
Até 8 de maio de 2013 incluía o PIS/Cofins de R$ 48/m³;

Periodicidade: Levantamento diário, mas divulgação mensal;
Histórico: Desde abril de 2013;
Agentes consultados na pesquisa: Unidades produtoras (usinas/destilarias), distribuidoras e intermediários de vendas.
Importante: Os valores coletados se referem a negócios efetivados na modalidade spot entre usinas e distribuidoras - preços ao produtor (usina). 
A média dos Indicadores semanais de um determinado mês não será, necessariamente, igual ao Indicador mensal, que considera todos os valores individualmente.

 

 

Fonte: Cepea

Equipe

Equipe

Coordenador
Geraldo Sant'Ana de Camargo Barros, Ph.D 
Professor do Depto. de Economia, Administração e Sociologia Esalq/USP

 
Pesquisadora responsável
Mirian Rumenos Piedade Bacchi, Dra.
Professora do Depto de Economia, Administração e Sociologia
mrpbacch@usp.br

 

Pesquisadora
Ivelise Rasera Bragato Calcidoni, Ms.
irbragat@usp.br

 

Equipe de apoio

Ana Maria Raab Forastieri Piccino 

Carla Luciane dos Santos
Talita Negri

Séries de Preços